Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
  Notícias sobre Saúde  
     
     
  Conheça as vacinas que os adultos devem tomar  
     
 

da Revista da Hora

 
     
 

Dupla Tipo Adulto (contra a difteria e o tétano)

Aplicação: são três doses. O intervalo entre a primeira e a segunda é de dois meses, entre a segunda e a terceira, de seis meses. No caso de ter perdido o prazo entre uma dose e outra, não é preciso recomeçar o processo
Reforço: uma única dose a cada dez anos
Carteira de vacinação: se a tiver e nela constar que a vacina foi tomada na infância, só é necessário o reforço. Caso a tenha perdido, é preciso tomar as três doses
Contraindicações: não há

Tríplice Viral (contra o sarampo, a rubéola e a caxumba)

Aplicação: uma única dose
Reforço: não há
Carteira de vacinação: é recomendada para todos os nascidos a partir de 1960. Quem tomou a vacina Dupla Viral (contra o sarampo e a rubéola) no ano passado, durante a campanha promovida pela Secretaria Estadual da Saúde, pode tomar a Tríplice para complementar a caxumba
Contraindicações: pacientes imunodeprimidos, que estejam fazendo quimioterapia ou radioterapia, por exemplo

Febre Amarela

Aplicação: uma única dose
Reforço: uma dose a cada dez anos
Carteira de vacinação: é recomendada para pessoas que moram ou viajam para áreas de risco (informações no site www.cve.saude.sp.gov.br). Caso viaje para um desses locais, é preciso tomar a vacina dez dias antes de embarcar
Contraindicações: pacientes imunodeprimidos, que estejam fazendo quimioterapia ou radioterapia, por exemplo, e pessoas com alergia grave a ovo

Gripe

Aplicação: uma única dose
Reforço: uma dose uma vez ao ano
Carteira de vacinação: é recomendada para pessoas com 60 anos ou mais
Contraindicações: pessoas que tiveram reação alérgica grave em uma dose anterior

Atenção: os postos de saúde do Estado de São Paulo fornecem as vacinas de graça

 
   
  Fonte: Helena Sato, diretora-técnica da divisão de imunização da Secretaria Estadual de Saúde
   
   
  Ler mais Notícias sobre Saúde